Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


terça-feira, 8 de setembro de 2015

Chico Lobo conta 'causos' sobre a viola caipira no livro 'Conversa de violeiro'

Às da viola caipira, o músico, cantor e compositor mineiro Chico Lobo conta causos sobre o instrumento que dá o tom de sua discografia no livro Conversa de violeiro, escrito e assinado por Lobo com o pesquisador e ilustrador carioca Fábio Sombra. Como já informa o subtítulo do livro, posto no mercado pela editora Kuarup música, Conversa de violeiro aborda fatos e crenças sobre o instrumento, associado a um universo folclórico e mágico povoado por lendas e mistérios. O livro está sendo lançado simultaneamente com o CD Cantiga de violeiro, compilação em que Lobo rebobina fonogramas importantes de sua trajetória, como a gravação de Criação (Chico Lobo, 1996), música - para quem não liga Lobo à sua obra - incluída pela cantora Maria Bethânia no roteiro do show comemorativo de seus 50 anos de carreira, Abraçar e agradecer. No livro, escrito em tom coloquial, Lobo e Sombra discorrem sobre as origens da viola, sobre os mitos que envolvem a figura do violeiro e sobre as crendices relacionadas com o toque do instrumento. Conversa é boa.

4 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ Às da viola caipira, o músico, cantor e compositor mineiro Chico Lobo conta causos sobre o instrumento que dá o tom de sua discografia no livro Conversa de violeiro, escrito e assinado por Lobo com o pesquisador e ilustrador carioca Fábio Sombra. Como já informa o subtítulo do livro, posto no mercado pela editora Kuarup música, Conversa de violeiro aborda fatos e crenças sobre o instrumento, associado a um universo folclórico e mágico povoado por lendas e mistérios. O livro está sendo lançado simultaneamente com o CD Cantiga de violeiro, compilação em que Lobo rebobina fonogramas importantes de sua trajetória, como a gravação de Criação (Chico Lobo, 1996), música - para quem não liga Lobo à sua obra - incluída pela cantora Maria Bethânia no roteiro do show comemorativo de seus 50 anos de carreira, Agradecer e abraçar. No livro, escrito em tom coloquial, Lobo e Sombra discorrem sobre as origens da viola, sobre os mitos que envolvem a figura do violeiro e sobre as crendices relacionadas com o toque do instrumento. Conversa é boa.

Rafael M. disse...

Lobo bobo, lobo bobo, lobo bobo...

Adilson Marcelino disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
ADEMAR AMANCIO disse...

Ouvi um programa com os dois na Rádio cultura Brasil.