Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Freire volta a Chopin em disco orquestral feito sob influência de Guiomar

"Sempre toco Chopin e cada vez mais amo tocá-lo". Reproduzida na contracapa do álbum em que Nelson Freire toca o Piano concerto nº 2 do compositor polonês Frédéric Chopin (1810 - 1849), a frase faz todo sentido para quem sabe que o pianista mineiro debutou no mundo do disco, aos 12 anos, com LP em que fazia um recital com temas de Chopin. Aos 70 anos, completados em 8 de outubro de 2014, Freire volta a Chopin neste CD lançado pela gravadora Decca neste ano de 2015 e já editado no Brasil via Universal Music. No disco, Freire alterna solos e números feitos com a Gürzenich Orchester Köln, regida pelo maestro Lionel Bringuier. O tema principal do disco é o Piano concerto nº 2, tocado por Freire com influência da gravação feita em 1959 pela pianista paulista Guiomar Novaes sob a regência do maestro cearanse Eleazar de Carvalho (1912 - 1996).

6 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ "Sempre toco Chopin e cada vez mais amo tocá-lo". Reproduzida na contracapa do álbum em que Nelson Freire toca o Piano concerto nº 2 do compositor polonês Frédéric Chopin (1810 - 1849), a frase faz todo o sentido para sabe que o pianista mineiro debutou no mercado fonográfico, aos 12 anos, com LP em que fazia um recital com temas de Chopin. Aos 70 anos, completados em 8 de outubro de 2014, Freire volta a Chopin neste CD lançado pela gravadora Decca neste ano de 2015 e já editado no Brasil via Universal Music. No disco, Freire alterna solos e números feitos com a Gürzenich Orchester Köln, regida pelo maestro Lionel Bringuier. O tema principal do disco é o Piano concerto nº 2, tocado por Freire com influência da gravação feita em 1959 pela pianista paulista Guiomar Novaes sob a regência do maestro cearanse Eleazar de Carvalho (1912 - 1996).

Luca disse...

o que seria de Nelson Freire sem a Europa?

osp0109081 disse...

O q seria do mundo sem Nelson Freire? Certamente um pouco menos musical!!Um orgulho para nós, brasileiros, e um presente de Deus aos amantes da música!!!

osp0109081 disse...

O que seria do mundo sem Nelson Freire? Certamente um pouco menos musical! Orgulho para nós, brasileiros, e um presente de Deus para os amantes da música!!!

osp0109081 disse...

O q seria do mundo sem Nelson Freire? Certamente um pouco menos musical!!Um orgulho para nós, brasileiros, e um presente de Deus aos amantes da música!!!

osp0109081 disse...

Privilégio dos europeus poderem disfrutar de um gênio como Freire...