Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Alice Caymmi cai em samba de 1948 com 'single' produzido por ela e Benjão

"Falam de mim, mas eu não ligo / ... / Por ciúme ou por despeito, falam de mim / ... / Falam de mim, mas quem fala não tem razão", sentencia Alice Caymmi através dos versos de Falam de mim (Noel Rosa de Oliveira, Éden Silva e Aníbal Silva). Samba lançado em disco em 1948 pela dupla Zé da Zilda e Zilda do Zé, Falam de mim ganhou registro de Nana Caymmi em 1977 e, desde 2014, vem sendo reavivado na voz de Alice Caymmi. Após cair nesse samba com Jards Macalé em apresentação do show Rainha dos raios, em novembro de 2014, a cantora carioca lança hoje, 9 de fevereiro de 2015, single independente no portal SoundCloud com sua gravação oficial de Falam de mim. Com bases gravadas no estúdio Maravilha 8, no Rio de Janeiro (RJ), o single foi produzido por Gustavo Benjão - que toca bateria, guitarra, xequerê e congas clave na gravação - com a própria Alice Caymmi. E não impacta como o CD Rainha dos raios. Programações e samples de Rodrigo Gorkie contribuem para dar tom contemporâneo a um samba atual em tempos de falatórios inconsequentes em redes sociais...

12 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ "Falam de mim mas eu não ligo / ... / Por ciúme ou por despeito, falam de mim / ... / Falam de mim, mas quem fala não tem razão", sentencia Alice Caymmi através dos versos de Falam de mim (Noel Rosa de Oliveira, Éden Silva e Aníbal Silva). Samba lançado em disco em 1948 pela dupla Zé da Zilda e Zilda do Zé, Falam de mim ganhou registro de Nana Caymmi em 1977 e, desde 2014, vem sendo reavivado na voz de Alice Caymmi. Após cair nesse samba com Jards Macalé em apresentação do show Rainha dos raios, em novembro de 2014, a cantora carioca lança hoje, 9 de fevereiro de 2015, single independente no portal SoundCloud com sua gravação oficial de Falam de mim. Com bases gravadas no estúdio Maravilha 8, no Rio de Janeiro (RJ), o single foi produzido por Gustavo Benjão - que toca bateria, guitarra, xequerê e congas clave na gravação - com a própria Alice Caymmi. Programações e samples de Rodrigo Gorkie contribuem para dar tom contemporâneo ao samba - atual em tempos de falatórios inconsequentes em redes sociais.

Marcelo disse...

Sempre querendo ser A diferente e chocar com imagens toscas como essa... Falam de Mim na versão de Nana é maravilhosa...Vamos ver o grau de destruição que Alice fez com a canção!!!

Rafael M. disse...

Não sei também porque ela insiste em ser uma Lady Gaga tupiniquim. Quando a produção de uma artista é exacerbada demais, pode-se sempre saber que ele não é lá grande coisa como cantor...

noca disse...

Por incrível que pareça,hoje a versão da Nana foi muito criticada na época. Incomodou puristas lhe puxaram a orelha por ter mudado o andamento da música e ela argumentou que queria que prestassem mais atenção na mensagem da letra.E acertou,ficou lindo.Aliás esse disco de Nana 1977,dos quadrinhos azuis é obra-prima.O disco preferido de Bethânia e um dos dez maiores da MPB.Mas isso jamais sairá em listas da Rolling Stone.Porque a Nana é a Nana...Marginal,rebelde e revolucionária que foi e o é quando não da bola a esquemões e pouco importa se falam mal dela por isso.Uma verdadeira cantora gênio.Falam de Alice sim,essa bela cantora.Mas querida Alice,cá pra nós é muito mais tranquilo ser filha de Danilo do que ser filha de Dorival.

Raffa disse...

Gostei do 2º disco dela, mas o show teve seus momentos de vergonha alheia.

O fantástico mundo de Maycon disse...

Mauro, talvez seja ignorância de minha parte, mas não consigo entender toda essa comoção em volta dela.

Daniel Lopes disse...

Não pude deixar de notar a semelhança da foto com a capa do disco Homogenic, da dadivosa Björk. Esta, aliás, é fonte em que
Alice já bebeu anteriormente no seu disco de estreia, ao gravar Unravel. Semelhanças, à parte, é fato consumado que a princesa da dinastia Caymmi só vem crescendo em sua carreira, fazendo jus ao sobrenome que carrega.

Mauro Ferreira disse...

Maycon, não percebo 'comoção' no meu texto sobre o single 'Falam de mim'. Agora, quanto ao disco 'Rainha dos raios', sim, acho fantástico. E não sou somente eu. Abs, MauroF

ADEMAR AMANCIO disse...

Gostem ou não dessa moça,ela conquistou a crítica especializada,coisa rara.

BIGODE disse...

Comparado com o disco Rainha dos Raios, que é excelente, essa musica é decepcionante....Bjork demais, sem identidade,pouco inspirada....não acrescenta nada a canção que é linda

O fantástico mundo de Maycon disse...

Oi Mauro! Desculpe-me, creio ter me expressado de forma equivocada. Quando disse comoção, não foi somente sua e nem só especificamente nesse texto. Quis dizer no geral.

Rafael M. disse...

O clipe está já disponível no You Tube:

https://www.youtube.com/watch?v=CfNbqIXh8WA

Não gostei da versão, estou sendo sincero.