Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


domingo, 27 de dezembro de 2015

Show em tributo a Bethânia no 26º Prêmio da MPB é eternizado em CD e DVD

Nos últimos anos, a cerimônia de entrega do Prêmio da Música Brasileira tem se desdobrado em show que percorre algumas cidades do Brasil e ganha registro ao vivo editado em CD e DVD. Neste ano de 2015, contudo, a gravação ao vivo lançada em CD (já no mercado fonográfico) e em DVD (previsto para chegar às lojas em janeiro de 2016) pela gravadora Biscoito Fino é a do próprio show coletivo em tributo a Maria Bethânia realizado em 10 de junho de 2015, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro (RJ), na entrega da 26ª edição do prêmio idealizado e dirigido pelo empresário José Maurício Machline (clique aqui para ler/reler a resenha da cerimônia). Eis, na disposição do CD 26º Prêmio da Música Brasileira - Homenagem a Maria Bethânia, as 28 músicas (e os respectivos compositores e intérpretes) alocadas nas 14 faixas desse disco, centrado no repertório de Bethânia:

1. Missa agrária (Carlos Lyra e Gianfrancesco Guarnieri, 1965) /
    Carcará (João do Vale e José Cândido, 1965) - Maria Bethânia
2. O quereres (Caetano Veloso, 1984) - Maria Bethânia
3. Fera ferida (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1982) - Maria Bethânia
4. Último pau-de-arara (Venâncio, Corumbá e José Guimarães, 1956) /
    Pau-de-arara (Guio de Moraes e Luiz Gonzaga, 1952) - Lenine
5. Âmbar (Adriana Calcanhotto, 1996) - Adriana Calcanhotto /
    Lua vermelha (Carlinhos Brown e Arnaldo Antunes, 1996) - Arnaldo Antunes /
    Estado de poesia (Chico César, 2013) - Chico César
6. Imbelezô eu (Roque Ferreira, 2014) /
    Coroa do mar (Roque Ferreira, 2009) /
    Santo Amaro (Roque Ferreira e Délcio Carvalho, 2006) - Roque Ferreira e Fabiana Cozza
7. Rosa dos ventos (Chico Buarque, 1971) - Zélia Duncan
8. Negue (Adelino Moreira e Enzo de Almeida Passos, 1960) - Alcione /
    Quando o amor vacila (2002) - Texto recitado por Letícia Sabatella com fundo de samba  
9.  Lama (Paulo Marques e Alyce Chaves, 1952) - Johnny Hooker
10. Pra dizer adeus (Edu Lobo e Torquato Neto, 1966) - Dori Caymmi e Nana Caymmi
11. Queda d'água (Caetano Veloso, 1979) /
      De manhã (Caetano Veloso, 1965)
12. Sussuarana (Heckel Tavares e Luiz Peixoto, 1928) /
      Cigarro de paia (Klécius Caldas e Armando Cavalcanti, 1952) /
      Padroeiro do Brasil (Ary Monteiro e Irani de Oliveira, 1953) /
      O canto do pajé (Heitor Villa-Lobos, 1933, com letra de Paula Barros)
      - Mônica Salmaso e Jackson Antunes
13. Paiol de ouro (Alexandre Mattos e Olival Mattos, 1989) /
      Cabocla Jurema (tema de domínio público em adaptação de Rosinha Valença) /
      Iansã (Caetano Veloso e Gilberto Gil, 1972) /
      As Yabás (Caetano Veloso e Gilberto Gil, 1976)  Alcione
14. Explode coração (Luiz Gonzaga do Nascimento Jr., 1978) /
      Vento de lá (Roque Ferreira, 2014) /
      Imbelezô eu (Roque Ferreira, 2014) - Maria Bethânia

7 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ Nos últimos anos, a cerimônia de entrega do Prêmio da Música Brasileira tem se desdobrado em show que percorre algumas cidades do Brasil e ganha registro ao vivo editado em CD e DVD. Neste ano de 2015, contudo, a gravação ao vivo lançada em CD (já no mercado fonográfico) e em DVD (previsto para chegar às lojas em janeiro de 2016) pela gravadora Biscoito Fino é a do próprio show coletivo em tributo a Maria Bethânia realizado em 10 de junho de 2015, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro (RJ), na entrega da 26ª edição do prêmio idealizado e dirigido pelo empresário José Maurício Machline (clique aqui para ler/reler a resenha da cerimônia). Eis, na disposição do CD 26º Prêmio da Música Brasileira - Homenagem a Maria Bethânia, as 27 músicas (e os respectivos compositores e intérpretes) alocadas nas 14 faixas desse disco, centrado no repertório de Bethânia:

1. Carcará (João do Vale e José Cândido, 1965) - Maria Bethânia
2. O quereres (Caetano Veloso, 1984) - Maria Bethânia
3. Fera ferida (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1982) - Maria Bethânia
4. Último pau-de-arara (Venâncio, Corumbá e José Guimarães, 1956) / Pau-de-arara (Guio de Moraes e Luiz Gonzaga, 1952) - Lenine
5. Âmbar (Adriana Calcanhotto, 1996) - Adriana Calcanhotto / Lua vermelha (Carlinhos Brown e Arnaldo Antunes, 1996) - Arnaldo Antunes / Estado de poesia (Chico César, 2013) - Chico César
6. Imbelezô eu (Roque Ferreira, 2014) / Coroa do mar (Roque Ferreira, 2009) / Santo Amaro (Roque Ferreira e Délcio Carvalho, 2006) - Roque Ferreira e Fabiana Cozza
7. Rosa dos ventos (Chico Buarque, 1971) - Zélia Duncan
8. Negue (Adelino Moreira e Enzo de Almeida Passos, 1960) - Alcione / Quando o amor vacila (2002) - Texto recitado por Letícia Sabatella com fundo de samba
9. Lama (Paulo Marques e Alyce Chaves, 1952) - Johnny Hooker
10. Pra dizer adeus (Edu Lobo e Torquato Neto, 1966) - Dori Caymmi e Nana Caymmi
11. Queda d'água (Caetano Veloso, 1979) / De manhã (Caetano Veloso, 1979)
12. Sussuarana (Heckel Tavares e Luiz Peixoto, 1928) / Cigarro de paia (Klécius Caldas e Armando Cavalcanti, 1952) / Padroeiro do Brasil (Ary Monteiro e Irani de Oliveira, 1953) / O canto do pajé (Heitor Villa-Lobos, 1933, com letra de Paula Barros)- Mônica Salmaso e Jackson Antunes
13. Paiol de ouro (Alexandre Mattos e Olival Mattos, 1989) / Cabocla Jurema (tema de domínio público em adaptação de Rosinha Valença) / Iansã (Caetano Veloso e Gilberto Gil, 1972) / As Yabás (Caetano Veloso e Gilberto Gil, 1976) Alcione
14. Explode coração (Luiz Gonzaga do Nascimento Jr., 1978) / Vento de lá (Roque Ferreira, 2014) / Imbelezô eu (Roque Ferreira, 2014) - Maria Bethânia

Henrique disse...

O bloco de canções de temática africana é interpretado por Mariene de Castro e Elisa Lucinda.

Rafael M. disse...

Belíssimo0 disco tributo... Belíssima homenagem a Bethânia...

Alexandre Siqueira disse...

O DVD já está disponível na Livraria da Travessa no Rio.

luis claudio de oliveira disse...

Dvd já disponível e indispensável aos que curtem Maria Bethânia e sua Arte ainda tão relevante ao cenário cultural do Brasil.
Caderno de Poesia(livro\dvd - aguardando resenha do Mauro) é outro dos mais espetaculares, belos e emocionantes projetos já lançados por um artista brasileiro. Bethânia - e Gringo Cardia também - no máximo. Impossível não se emocionar! Todas as honras a essa senhora encantada!!

ROBERTO FILHO disse...

É DE MANHÃ,FOI ESCRITO EM 1965 E NÃO EM 1979,COMO É QUE ELA GRAVARIA NO LADO A DO SEU COMPACTO EM 1965.

Mauro Ferreira disse...

Claro, Roberto. Grato pelo toque. Eu repeti desatentamente o crédito de 'Queda d'água' em 'De manhã'. Abs, MauroF