Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Compacto gravado por Novos Baianos na RGE em 1970 ganha edição digital

"A minha razão está em mim", brada Baby do Brasil - a cantora fluminense então conhecida como Baby Consuelo - em verso gravado com a pegada do rock. O verso integra a letra de Volta que o mundo dá, música de Moraes Moreira e Luiz Galvão lançada pelo grupo Novos Baianos no lado B de compacto lançado em 1970 na extinta gravadora RGE. Volta que o mundo dá não integraria outro álbum do grupo baiano. O que valoriza bastante a reedição do raro compacto em formato digital. Disponibilizado nas plataformas digitais neste mês de dezembro de 2015 pela gravadora Som Livre, herdeira do acervo da RGE, o compacto original trazia no lado A outra música de Moraes e Galvão, Curto de véu e grinalda, incluída no primeiro álbum do grupo, É ferro na boneca!, lançado originalmente pela RGE em 1970. A edição digital deste compacto de 1970 acontece na sequência da reedição em vinil, pela Polysom, de outro compacto (no caso, duplo e com quatro músicas inéditas nunca incluídas pela banda em álbuns posteriores) lançado pelos Novos Baianos na RGE naquele ano de 1970.  Clique aqui para reler sobre a reedição em vinil do compacto duplo do grupo.

9 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ "A minha razão está em mim", brada Baby do Brasil - a cantora fluminense então conhecida como Baby Consuelo - em verso gravado com a pegada do rock. O verso integra a letra de Volta que o mundo dá, música de Moraes Moreira e Luiz Galvão lançada pelo grupo Novos Baianos no lado B de compacto lançado em 1970 na extinta gravadora RGE. Volta que o mundo dá não integraria outro álbum do grupo baiano. O que valoriza bastante a reedição do raro compacto em formato digital. Disponibilizado nas plataformas digitais neste mês de dezembro de 2015 pela gravadora Som Livre, herdeira do acervo da RGE, o compacto original trazia no lado A outra música de Moraes e Galvão, Curto de véu e grinalda, incluída no primeiro álbum do grupo, É ferro na boneca!, lançado originalmente pela RGE em 1970. A edição digital deste compacto de 1970 acontece na sequência da reedição em vinil, pela Polysom, de outro compacto (no caso, duplo e com quatro músicas inéditas nunca incluídas pela banda em álbuns posteriores) lançado pelos Novos Baianos na RGE naquele ano de 1970. Clique aqui para reler sobre a reedição em vinil do compacto duplo do grupo.

Mauro Silva disse...

Que bosta (Não o conteúdo, mas o formato)!
Eu aqui entretido com o Box de CD's remasterizados da Rita Lee, e me vem esse post de vinil??? Credo, cruzes! Passo longe!
Não vejo a hora da Polysom fechar de vez! Isso é muito retrógrado.

Que venha um Box de Cd's remasterizados dos Novos Baianos!

Rafael M. disse...

Adoro essas músicas, mas acho uma bobagem sem fim relançarem compacto deles... Bem que todos poderiam se reunir novamente e lançar um novo CD e DVD ao vivo... Seria demais!!!

Alexandre Teixeira disse...

Se eles relançam nesse formato, é pq tem público. Retrógrado é ficar incomodado com isso a ponto de desejar que uma gravadora feche.

Mauro Silva disse...

Eu escrevo o que eu quiser 'Alexandre Teixeira', você NÃO é o dono do Blog. Acho retrógrado sim esta modinha de vinil, não passa de um golpe de algumas gravadoras, pra ganhar em cima de quem vive debruçado no formato antigo.
Até por que o vinil já teve sua época, e o vinil de hoje o tal 180g, é bem fake :(

O novo, o fresco, a tecnologia, é sempre avante.
Eu tenho opinião e sempre vou expressa-la.

Natálio disse...

Também sonho com um box em cds desses gênios. Tenho pouca coisa aqui dos Novos Baianos, mas ouço bastante.

Joao Neves disse...

Gostaria de ver tudo isso em CD, pelo menos uma compilação de singles e faixas raras. E claro que os Novos Baianos mereceriam uma box completa e remasterizada e com bons textos. Qualquer grupo pop inglês MENOR já teve direito à sua box.

Unknown disse...

Na verdade a RGE já havia lançado o Ferro na Boneca em 1997 em cd com capa diferente e como bonus a música "Volta que o Mundo Dá", além das 4 faixas do compacto de 1970 relançado em vinil pela Polysom recentemente. Ou seja, tem pra todos os gostos.

dum lima disse...

Olá Mauro, vc quer dizer que esse compacto será relançado pela Polysom também???
Espero que sim . tem data? pois o Psiu/ 29 beijos foi lançado a pouco tempo.
Abraço