Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


sábado, 9 de maio de 2015

Single de cantor gay começa a virar viral a partir de clipe de atmosfera... gay

Um cantor de 23 anos, assumidamente gay, pode virar o novo fenômeno da web da vez. Filho de pai libanês com mãe brasileira, o mato-grossense Nader Assaf - radicado atualmente em Curitiba (PR) - lançou o single Quem disse? no iTunes em 3 de abril deste ano de 2015. Trata-de de um samba de levada pop. "Quem disse que o samba é samba? Quem disse que eu não sei sambar?", questiona Assaf, no tom comedido de sua voz, em versos da composição de sua autoria. Single lançado cinco após o primeiro álbum do artista, Velha juventude (Independente, 2010), Quem disse? começou a virar viral quando seu clipe começou a ser acessado no YouTube, plataforma na qual foi posto em rotação em 2 de maio de 2015. Já são quase 54 mil visualizações em uma semana. No clipe, Assaf - em foto de Gustavo Mafra na capa do single - protagoniza romance gay com a personagem anônima vivida no clipe pelo modelo William Cavalcante, cuja morenice sarada contrasta com a pele alva, os cabelos ruivos - originalmente louros... - e o corpo franzino de Assaf.

7 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ Um cantor de 23 anos, assumidamente gay, pode virar o novo fenômeno da web da vez. Filho de pai libanês com mãe brasileira, o mato-grossense Nader Assaf - radicado atualmente em Curitiba (PR) - lançou o single Quem disse? no iTunes em 3 de abril deste ano de 2015. Trata-de de um samba de levada pop. "Quem disse que o samba é samba? Quem disse que eu não sei sambar?", questiona Assaf, no tom comedido de sua voz, em versos da composição de sua autoria. Single lançado cinco após o primeiro álbum do artista, Velha juventude (Independente, 2010), Quem disse? começou a virar viral quando seu clipe começou a ser acessado no YouTube, plataforma na qual foi posto em rotação em 2 de maio de 2015. Já são quase 54 mil visualizações em uma semana. No clipe, Assaf - visto neste post em foto de Gustavo Mafra - protagoniza romance gay com a personagem anônima vivida no clipe pelo modelo William Cavalcante, cuja morenice sarada contrasta com a pele alva, os cabelos ruivos - originalmente louros... - e o corpo franzino de Assaf.

Rafael M. disse...

Com toda a sinceridade: adorei a música e o cantor. Canta muito bem, leva jeito para a coisa...

Luca disse...

nada demais pra mim, nem na música nem no clipe

Bruno Cavalcanti disse...

De todos os posts que já li no seu blog, Mauro, esse me parece o mais irrelevante, até pela forma que você escreveu - remetendo a texto de assessoria de imprensa. De qualquer forma, vou ouvir.

Rhenan Rodrigo disse...

Ri muito. Não consegui assistir até o final, claro. Tudo muito malfeitinho. Mas gostei do menino girando a saia (deveriam ter investido mais na cena). E com certeza tem público pra uma coisa dessas. Então, salva-se a relevância do ato político, sempre pertinente! :)

Fabio disse...

Vergonha alheia

ADEMAR AMANCIO disse...

Não parece Libanês,nem Mato-grossense e nem brasileiro.