Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


quarta-feira, 27 de maio de 2015

Eis a capa de 'Mar azul', louvação ao 'Clube' que ganha edição digital via Slap

Esta é a capa de Mar azul - Sons de Minas Gerais vol. 1, disco que vai ser lançado em 8 de junho de 2015 em edição exclusivamente digital viabilizada pelo selo Slap, da gravadora Som Livre. Louvação aos cancioneiros de compositores associados ao Clube da Esquina, Mar azul é projeto produzido pela TocaVídeos com gravações inéditas de músicas desses compositores, mineiros em sua grande maioria, em que pese a origem carioca do sócio majoritário Milton Nascimento. Simultaneamente com o disco, os 11 vídeos do projeto - filmados sob direção de Fernando Neumayer e Luís Martino, com fotografia de Thiago Britto - serão disponibilizados no canal da TocaVídeos no YouTube. De início, a ideia era lançar em novembro de 2014, somente em vídeo, as gravações inéditas e exclusivas do projeto. Depois, o lançamento de Mar azul foi reprogramado para fevereiro de 2015. Contudo, com a entrada em cena do selo Slap, a edição ficou para junho. Entre hits da turma das Geraes, o repertório traz Pedras rolando, lado B da discografia de Beto Guedes, parceiro do poeta fluminense Ronaldo Bastos na música lançada por Guedes em seu álbum Sol de primavera (EMI-Odeon, 1979) e revivida pelo mineiro (radicado no Rio de Janeiro) César Lacerda em Mar azul. Além de Lacerda, o elenco de Mar azul inclui Dani Black, Moska, Pedro Luís e Silva. Eis, na ordem da edição digital do disco, as 11 músicas e respectivos intérpretes do tributo:

1. Pedras rolando (Beto Guedes e Ronaldo Bastos, 1979) - César Lacerda
2. Canoa, canoa (Nelson Ângelo e Fernando Brant, 1977) - Júlia Vargas
3. Um girassol da cor de seu cabelo (Márcio Borges e Lô Borges, 1972) - Silva
4. Reis e rainhas do maracatu (Nelson Ângelo, Novelli e Fran, 1977) - Pedro Luís
5. Cravo e canela (Milton Nascimento e Ronaldo Bastos, 1971) - Maíra Freitas
6. Paisagem da janela (Lô Borges e Fernando Brant, 1972) - Michele Leal
7. Nada será como antes (Milton Nascimento e Ronaldo Bastos, 1972) - Ordinarius
8. Fazenda (Nelson Ângelo, 1976) - Lucas Arruda
9. Travessia (Milton Nascimento e Fernando Brant, 1967) - Dani Black
10. Quem sabe isso quer dizer amor (Márcio Borges e Lô Borges, 2002) - Moska
11. Nascente (Flávio Venturini e Murilo Antunes, 1977) - João Bittencourt

5 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ Esta é a capa de Mar azul - Sons de Minas Gerais vol. 1, disco que vai ser lançado em 8 de junho de 2015 em edição exclusivamente digital viabilizada pelo selo Slap, da gravadora Som Livre. Louvação aos cancioneiros de compositores associados ao Clube da Esquina, Mar azul é projeto produzido pela TocaVídeos com gravações inéditas de músicas desses compositores, mineiros em sua grande maioria, em que pese a origem carioca do sócio majoritário Milton Nascimento. Simultaneamente com o disco, os 11 vídeos do projeto - filmados sob direção de Fernando Neumayer e Luís Martino, com fotografia de Thiago Britto - serão disponibilizados no canal da TocaVídeos no YouTube. De início, a ideia era lançar em novembro de 2014, somente em vídeo, as gravações inéditas e exclusivas do projeto. Depois, o lançamento de Mar azul foi reprogramado para fevereiro de 2015. Contudo, com a entrada em cena do selo Slap, a edição ficou para junho. Entre hits da turma das Geraes, o repertório traz Pedras rolando, lado B da discografia de Beto Guedes, parceiro do poeta fluminense Ronaldo Bastos na música lançada por Guedes em seu álbum Sol de primavera (EMI-Odeon, 1979) e revivida pelo mineiro (radicado no Rio de Janeiro) César Lacerda em Mar azul. Além de Lacerda, o elenco de Mar azul inclui Dani Black, Moska, Pedro Luís e Silva. Eis, na ordem da edição digital do disco, as 11 músicas e respectivos intérpretes do tributo:

1. Pedras rolando (Beto Guedes e Ronaldo Bastos, 1979) - César Lacerda
2. Canoa, canoa (Nelson Ângelo e Fernando Brant, 1977) - Júlia Vargas
3. Um girassol da cor de seu cabelo (Márcio Borges e Lô Borges, 1972) - Silva
4. Reis e rainhas do maracatu (Nelson Ângelo, Novelli e Fran, 1977) - Pedro Luís
5. Cravo e canela (Milton Nascimento e Ronaldo Bastos, 1971) - Maíra Freitas
6. Paisagem da janela (Lô Borges e Fernando Brant, 1972) - Michele Leal
7. Nada será como antes (Milton Nascimento e Ronaldo Bastos, 1972) - Ordinarius
8. Fazenda (Nelson Ângelo, 1976) - Lucas Arruda
9. Travessia (Milton Nascimento e Fernando Brant, 1967) - Dani Black
10. Quem sabe isso quer dizer amor (Márcio Borges e Lô Borges, 2002) - Moska
11. Nascente (Flávio Venturini e Murilo Antunes, 1977) - João Bittencourt

Rafael M. disse...

Mauro, o CD não tem previsão de ser lançado no formato físico?

Pedro Progresso disse...

o Tono gravou "Lágrimas do sul" vi uma postagem na página deles hoje no FB.

Mauro Ferreira disse...

Sim, Pedro, mas pode ser que seja outro tributo a Milton. Rafael, quando o texto diz que a edição é 'exclusivamente digital', é porque não - por enquanto - previsão de que seja lançada uma edição física. Abs, MauroF

ADEMAR AMANCIO disse...

O pessoal continua fazendo perguntinhas...