Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


domingo, 18 de janeiro de 2015

Com Felipe Cordeiro, Fafá pode gravar enfim o álbum que deve ao fiel público

EDITORIAL - Na última sexta-feira, 16 de janeiro de 2015, Fafá de Belém deu decisivo primeiro passo para voltar a ocupar na cena musical brasileira o lugar de destaque ao qual faz jus. A cantora paraense entrou em estúdio, em São Paulo (SP), para começar a dar forma a um álbum produzido pelo cantor, compositor e guitarrista paraense Felipe Cordeiro em parceria com seu pai, o guitarrista Manoel Cordeiro, para a gravadora Joia Moderna. Um disco que vai chegar em boa hora, pois Fafá completa 40 anos de carreira em 2015. Projetada em 1975 com a gravação do samba de roda Filho da Bahia (Walter Queiroz), feita para a trilha sonora da novela Gabriela, a cantora está há dez anos sem lançar um álbum de estúdio (o último, de 2005, foi dedicado ao cancioneiro de Chico Buarque), tendo gravado somente EPs abaixo de seu talento e potencial. Fafá deve esse disco aos que admiram sua voz e seu canto tão extrovertido quanto passional. Voz que - diga-se - vem se mantendo viçosa e potente como nos velhos tempos. Disco que ganha significado instantâneo pelo fato de estar sendo produzido por Felipe Cordeiro, nome de destaque na atual cena musical do Pará. O mesmo Pará que Fafá repôs em cena nos anos 1970, quando compositores importantes da região, como o seminal Waldemar Henrique (1905 - 1995), já começavam a ser esquecidos. Enfim, que venha esse disco que certamente vai ser saudado com forte entusiasmo pelo público de Fafá, ainda e para sempre de Belém, mas já - há 40 anos! - de todo o Brasil.

5 comentários:

Mauro Ferreira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rubens Lisboa disse...

Fafá é dez!

Luca disse...

Fafá é dez quando assume sua veia popular, aposto nesse disco

Rafael M. disse...

Espero com boas expectativas esse disco da Fafa pelas mãos do Felipe.

Roberto de Brito disse...

Fsfá continua essencial!