Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


sábado, 18 de abril de 2015

Luiz Carlos Borges sintetiza 50 anos de carreira gaúcha em DVD com CD

Ícone da música do Sul, o cantor, compositor e gaiteiro gaúcho Luiz Carlos Borges veio ao mundo em 25 março de 1953, em Santo Ângelo (RS), rodeado de música. Em 1962, quando contabilizava apenas nove anos de idade, o então menino foi incorporado à formação familiar do grupo Irmãos Borges. Foi por isso que, em outubro de 2012, Borges celebrou exatos 50 anos de carreira em show retrospectivo, feito com convidados, no Theatro São Pedro, um dos palcos mais nobres de Porto Alegre (RS). O registro do espetáculo já está disponível em kit de CD + DVD recém-editado pela gravadora gaúcha Acit. Lenda da música do Sul, com seu som que também alcançou os pampas argentinos, o artista resume 50 anos de música nos 21 números do DVD Luiz Carlos Borges ao vivo (quatro são exibidos nos extras). Trata-se do primeiro registro audiovisual de show de Borges. Na companhia de amigos e colegas como Humberto Gessinger, que participa de Encontro com a milonga (Luiz Carlos Borges), o anfitrião rebobina clássicos da música regional rio-grandense como Baile de fronteira (Luiz Carlos Borges e Mauro Ferreira), Redomona (Luiz Carlos Borges e Apparício Silva Rillo) - tema revivido com o toque do acordeom do conterrâneo Renato Borghetti - e Florêncio Guerra (Luiz Carlos Borges e Mauro Ferreira). Entre chamamés, vanerões, zambas e milongas, Luiz Carlos Borges delimita seu (rico) território musical.

3 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ Ícone da música do Sul, o cantor, compositor e gaiteiro gaúcho Luiz Carlos Borges veio ao mundo em 25 março de 1953, em Santo Ângelo (RS), rodeado de música. Em 1962, quando contabilizava apenas nove anos de idade, o então menino foi incorporado à formação familiar do grupo Irmãos Borges. Foi por isso que, em outubro de 2012, Borges celebrou exatos 50 anos de carreira em show retrospectivo, feito com convidados, no Theatro São Pedro, um dos palcos mais nobres de Porto Alegre (RS). O registro do espetáculo já está disponível em kit de CD + DVD recém-editado pela gravadora gaúcha Acit. Lenda da música do Sul, com seu som que também alcançou os pampas argentinos, o artista resume 50 anos de música nos 21 números do DVD Luiz Carlos Borges ao vivo (quatro são exibidos nos extras). Trata-se do primeiro registro audiovisual de show de Borges. Na companhia de amigos e colegas como Humberto Gessinger, que participa de Encontro com a milonga (Luiz Carlos Borges), o anfitrião rebobina clássicos da música regional rio-grandense como Baile de fronteira (Luiz Carlos Borges e Mauro Ferreira), Redomona (Luiz Carlos Borges e Apparício Silva Rillo) - tema revivido com o toque do acordeom do conterrâneo Renato Borghetti - e Florêncio Guerra (Luiz Carlos Borges e Mauro Ferreira). Entre chamamés, vanerões, zambas e milongas, Luiz Carlos Borges delimita seu (rico) território musical.

Luca disse...

esse tipo de artista só dialoga com o público do Sul

Jefferson Romero disse...

Parabéns, Mauro, e obrigado por ter postado algo acerca deste ícone da música regionalista do Sul do Brasil. LCB tem um trabalho fenomenal! Espero ver, em breve, outros nomes do regionalismo gaúcho de alta qualidade tendo o trabalho repercutido aqui no 'Notas Musicais'. Aliás, Luciano Maia, acordeonista gaúcho de primeira linha, lançou recentemente o CD "Janelas ao Sul", um trabalho instrumental que une regionalismo gaúcho com contemporaneidade. É um álbum belíssimo que merece ser divulgado! É uma ediçao independente do artista, que pode ser adquirida através do seu site oficial. Mais uma vez grato, por abrir as portas para a música regional gaúcha de qualidade!