Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

Edição estendida do primeiro álbum da Legião apresenta três demos de 1983

A rigor, já são 31 anos, pois o álbum Legião Urbana foi lançado em janeiro de 1985 pela extinta gravadora EMI-Odeon. Mesmo com atraso, provocado por discórdias sobre a autoria da música inédita 1977, a edição dupla comemorativa dos 30 anos do álbum Legião Urbana vai ser enfim lançada em março de 2016, com distribuição da gravadora Universal Music, após ser cancelada. Alvo de pendenga entre Giuliano Manfredini - herdeiro de Renato Russo (1960 - 1996) - e os legionários remanescentes Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá, a música 1977 foi limada do CD 2, que reúne, ao longo de 18 faixas, sete registros alternativos das músicas do álbum de 1985, dois remixes (o de Liminha para a música O reggae e o de Mario Caldato para a música A dança), falas de Renato Russo, um registro pirata de Química e várias demos, inclusive três demos gravadas pela banda em 1983 a convite da EMI-Odeon. Essas seminais demos de 1983 - descartadas na época e nunca mais aproveitadas - das músicas Ainda é cedo, A dança (gravada com a participação de Herbert Vianna) e Geração coca-cola são as raridades mais antigas e valiosas do CD 2 da edição de 30 anos do álbum Legião Urbana. Já o CD 1 reapresenta o disco original em edição remasterizada.

7 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ A rigor, já são 31 anos, pois o álbum Legião Urbana foi lançado em janeiro de 1985 pela extinta gravadora EMI-Odeon. Mesmo com atraso, provocado por discórdias sobre a autoria da música inédita 1977, a edição dupla comemorativa dos 30 anos do álbum Legião Urbana vai ser enfim lançada em março de 2016, com distribuição da gravadora Universal Music, após ser cancelada. Alvo de pendenga entre Giuliano Manfredini - herdeiro de Renato Russo (1960 - 1996) - e os legionários remanescentes Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá, a música 1977 foi limada do CD 2, que reúne, ao longo de 18 faixas, sete registros alternativos das músicas do álbum de 1985, dois remixes (o de Liminha para a música O reggae e o de Mario Caldato para a música A dança), falas de Renato Russo, um registro pirata de Química e várias demos, inclusive três demos gravadas pela banda em 1983 a convite da EMI-Odeon. Essas seminais demos de 1983 - descartadas na época e nunca mais aproveitadas - das músicas Ainda é cedo, A dança (gravada com a participação de Herbert Vianna) e Geração coca-cola são as raridades mais antigas e valiosas do CD 2 da edição de 30 anos do álbum Legião Urbana. Já o CD 1 reapresenta o disco original em edição remasterizada.

Unknown disse...

Mauro, será que esse registro pirata de "Quimica" é a mesma versão que vinha no cassete da disco "Dois"?

Rafael M. disse...

Essas versões de músicas não oficiais do grupo deveriam vir num CD separado, e não misturadas num CD de carreira... Acho isso um erro fatal...

Luca disse...

Ufa! finalmente!

Bernardo Barroso Neto disse...

Finalmente esse álbum saiu. Tomara que saiam outras raridades da Legião.

Mauro Silva disse...


Tomara que este projeto, se estenda também para os outros trabalhos do Legião Urbana, eles eram ótimos!

Já pensou as "Quatro Estações" remasterizado e com bônus ??? Sonho.....

ADEMAR AMANCIO disse...

Morrer no auge dá nisso.As gravadoras lançam qualquer gemido e ruído que lembre o falecido.