Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


sexta-feira, 27 de maio de 2016

Álbuns gravados por Elza na Tapecar nos anos 1970 são relançados em caixa

Em 2010, o selo carioca Discobertas lançou edições em CD de seis álbuns gravados por Elza Soares entre 1974 e 1988 pelas gravadoras Tapecar, Som Livre e RGE. Decorridos seis anos, o mesmo selo lança caixa - programada para chegar ao mercado em junho de 2016 - com edições em CD de quatro daqueles seis álbuns. A opção do produtor Marcelo Fróes foi encaixotar os álbuns lançados pela cantora carioca na extinta gravadora Tapecar entre 1974 e 1977. A caixa Elza Soares Anos 70 repõe em catálogo as edições em CD dos álbuns Elza Soares (1974), Nos braços do samba (1975), Lição de vida (1976), Pilão + raça = Elza (1977). Clique aqui para ler ou reler a resenha das seis reedições avulsas lançadas em 2010 no mercado via selo Discobertas.

9 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ Em 2010, o selo carioca Discobertas lançou edições em CD de seis álbuns gravados por Elza Soares entre 1974 e 1988 pelas gravadoras Tapecar, Som Livre e RGE. Decorridos seis anos, o mesmo selo lança caixa - programada para chegar ao mercado em junho de 2016 - com edições em CD de quatro daqueles seis álbuns. A opção do produtor Marcelo Fróes foi encaixotar os álbuns lançados pela cantora carioca na extinta gravadora Tapecar entre 1974 e 1977. A caixa Elza Soares Anos 70 repõe em catálogo as edições em CD dos álbuns Elza Soares (1974), Nos braços do samba (1975), Lição de vida (1976), Pilão + raça = Elza (1977). Clique aqui para (re)ler a resenha das seis reedições avulsas lançadas em 2010.

Mauro Silva disse...


Amo Elza Soares!

Mas a questão é que estes 4 discos já haviam sido relançados no Box "Negra" da Elza. Que vem com 12 Cd's mais bônus de compactos e um som MARAVILHOSO, juntamente com a arte das capas mesmo sendo em 2em1.

Achei desnecessário este Box, já que temos tantos outros discos da nossa música brasileira, ainda inéditos em CD.

Rafael M. disse...

Elza sempre é necessária... Tudo que vem dela é ótimo!!!

M@rMarinho disse...

Até poderiam negociar só o box(caixa) pois outros fãs como eu já tem esses álbums no box negra e também comprei quando foram lançados separadamente, restaria apenas a caixa. Enquanto isso o LP "Senhora da Terra (CBS)1979" continua inédito em cd.

Thais Alícia disse...

Eu não tenho o Box "Negra" e essa caixa é super bem-vinda!

Mauro, sabe se existe alguma intenção de lançarem caixa com os discos da Gal dos anos 80??? Se não houver plante a sementinha... Procuro os trabalhos dela desse período e nada encontro.

Abraços!!

BIGODE disse...

Mauro eu tenho a caixa da Elza, você sabe informar se os discos lançados pela Discobertas são identicos aos da caixa???
Grato

Mauro Ferreira disse...

Bigode, as atuais reedições são as mesmas que saíram em 2010, de forma avulsa, pelo selo Discobertas, como está no texto. As reedições da caixa 'Negra' são outras. Abs, MauroF

BIGODE disse...

Mas elas possuem alguma faixa diferente do Box 'Negra'??? pergunto pq vi essa caixa anos 70 na Cultura mas não vi a relação das musicas, e não cheguei a ver a edição anterior feita pela Discobertas....fiquei curioso
Grato

Mauro Ferreira disse...

Bigode, o texto direciona o leitor para a resenha das edições de 2010, na qual eu explico as diferenças entre as edições de 2010 e a de 2003. É só clicar na palavra 'aqui'. Lá, no texto da resenha, você terá as respostas para as perguntas. Abs, MauroF