Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


terça-feira, 10 de maio de 2016

Vander Lee agenda para julho, no Rio, quarta gravação ao vivo da discografia

Vander Lee vai fazer o quarto registro ao vivo de show de discografia iniciada em 1997 com a edição do álbum independente Vanderly. O cantor, compositor e músico mineiro programou para o dia 2 de julho deste ano de 2016, na cidade do Rio de Janeiro (RJ), a terceira gravação audiovisual da carreira (o primeiro disco ao vivo, de 2003, saiu somente no formato de CD). Sucessor do extra-oficial Entre (Sonhos e Sons, 2006) e de Pensei que fosse o céu ao vivo (Indie Records, 2007) na discografia audiovisual do artista, o DVD vai se chamar Vander Lee 20 anos, em alusão ao fato de a trajetória profissional do Lee ter sido impulsionada em 1996 com a obtenção do segundo lugar no festival Canta Minas, produzido e exibido pela Rede Globo Minas naquele ano. Na ocasião, o então estreante cantor - em foto de Bianca Tatamya - defendeu a música Gente não é cor, de autoria do próprio compositor.

6 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ Vander Lee vai fazer o quarto registro ao vivo de show de discografia iniciada em 1997 com a edição do álbum independente Vanderly. O cantor, compositor e músico mineiro programou para o dia 2 de julho deste ano de 2016, na cidade do Rio de Janeiro (RJ), a terceira gravação audiovisual da carreira (o primeiro disco ao vivo, de 2003, saiu somente no formato de CD). Sucessor do extra-oficial Entre (Sonhos e Sons, 2006) e de Pensei que fosse o céu ao vivo (Indie Records, 2007) na discografia audiovisual do artista, o DVD vai se chamar Vander Lee 20 anos, em alusão ao fato de a trajetória profissional do Lee ter sido impulsionada em 1996 com a obtenção do segundo lugar no festival Canta Minas, produzido pela Rede Globo Minas naquele ano. Na ocasião, o cantor - em foto de Bianca Tatamya - defendeu a música Gente não é cor, de autoria do próprio compositor.

ELIEL SILVA disse...

Legal. Sempre produzindo. "Pensei que fosse o céu ao vivo" é muito bom.

Luca disse...

ainda tem quem queira ouvir?

Suellen Regadas disse...

Onde vai ser a gravação do dvd? Ja esta a venda os ingressos? Me respondem por favor?

Suellen Regadas disse...

Onde vai ser a gravação do dvd? Ja esta a venda os ingressos? Me respondem por favor?

Mauro Ferreira disse...

Suellen, essas informações ainda não foram divulgadas. Abs, MauroF