Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


sexta-feira, 5 de junho de 2015

CD 'Babilônia vol. 2' inclui gravações de Ney, Zizi, Ana, Daúde, Leila e Cazuza

Música lançada na voz de Ângela Maria em 1954, Estava escrito (Lourival Faissal) integra a trilha sonora da novela Babilônia na gravação feita por Ney Matogrosso para o álbum de 1994 em que o cantor interpretou o repertório da Sapoti. Nas lojas neste mês de junho de 2015, em edição da gravadora Som Livre, o CD Babilônia vol. 2 inclui - além da gravação de Ney (em foto de Marcelo Faustini) - fonogramas de Ana Carolina (Esperta, faixa do álbum #AC, de 2013), Cazuza (1958 - 1990) (Um trem para as estrelas, sua única parceria com Gilberto Gil, feita para o filme homônimo de 1987), Daúde (Que bandeira, parceria de Marcos Valle, Paulo Sérgio Valle e Mariozinho Rocha lançada em 1971 e regravada pela cantora para o álbum Código Daúde, de 2014), Leila Pinheiro (Sabe você, em registro de 1994), Lucas Santtana (Amor, meu grande amor, do tributo Coitadinha bem feito, de 2013) e Zizi Possi (gravação inédita de Mania, música de Celso Fonseca e Ronaldo Bastos, lançada pela própria Zizi em álbum de 1987).

5 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ Música lançada na voz de Ângela Maria em 1954, Estava escrito (Lourival Faissal) integra a trilha sonora da novela Babilônia na gravação feita por Ney Matogrosso para o álbum de 1994 em que o cantor interpretou o repertório da Sapoti. Nas lojas neste mês de junho de 2015, em edição da gravadora Som Livre, o CD Babilônia vol. 2 inclui - além da gravação de Ney (em foto de Marcelo Faustini) - fonogramas de Ana Carolina (Esperta, faixa do álbum #AC, de 2013), Cazuza (1958 - 1990) (Um trem para as estrelas, sua única parceria com Gilberto Gil, feita para o filme homônimo de 1987), Daúde (Que bandeira, parceria de Marcos Valle, Paulo Sérgio Valle e Mariozinho Rocha lançada em 1971 e regravada pela cantora para o álbum Código Daúde, de 2014), Leila Pinheiro (Sabe você, em registro de 1994), Lucas Santtana (Amor, meu grande amor, do tributo Coitadinha bem feito, de 2013) e Zizi Possi (gravação inédita de Mania, música de Celso Fonseca e Ronaldo Bastos, lançada pela própria Zizi em álbum de 1987).

Rafael M. disse...

Triste saber que essa música linda do Ney está numa trilha de novela tão ruim...

Dona Emengarda disse...

Resta saber se o fracasso da novela vai influenciar as vendas!

noca disse...

Essa novela fracassou porque nem Brasilnem ninguém aguenta mais a cultura,os valores cariocas e a imposição tão saturada dos costumes do Rio ditando conceitos.O senso critico do carioca esta apagado,falta surpresa e criatividade.Praia,funk,violência,massacre da poesia e ainda por cima os intelectuais não questionam o governo fracassado que endossaram por pura vaidade.O Rio está engessado,sem graça...

ADEMAR AMANCIO disse...

Se a novela não agradou o populacho,com certeza deve ser boa.Não posso emitir a minha opinião,além de não gostar de novelas,durmo com as galinhas.