quarta-feira, 7 de março de 2012

'Cover' de balada de Prince anuncia 'Black Heart', terceiro solo de Dinho

Balada de Prince, lançada em 1985 e popularizada por Sinéad O' Connor em 1990, Nothing Compares 2 U ganha a voz de Dinho Ouro Preto 22 anos após ter estourado nas paradas mundiais no registro da cantora irlandesa. A regravação de Dinho Ouro Preto chega às rádios nesta quarta-feira, 7 de março de 2012, em ação de marketing orquestrada pela gravadora Sony Music. A promoção da gravação de Dinho dá o pontapé inicial na divulgação do terceiro dico solo do vocalista do grupo Capital Inicial, Black Heart, cujo repertório é formado somente por covers de clássicos do pop rock. Dinho regrava músicas do grupo The Cure e da cantora e compositora Patti Smith, entre outros nomes. O CD Black Heart vai chegar às lojas em abril.

12 comentários:

Mauro Ferreira disse...

Balada de Prince, lançada em 1985 e popularizada por Sinéad O' Connor em 1990, Nothing Compares 2 U ganha a voz de Dinho Ouro Preto 32 anos após ter estourado nas paradas mundiais no registro da cantora irlandesa. A regravação de Dinho Ouro Preto chega às rádios nesta quarta-feira, 7 de março de 2012, em ação de marketing orquestrada pela gravadora Sony Music. A promoção da gravação de Dinho dá o pontapé inicial na divulgação do terceiro dico solo do vocalista do grupo Capital Inicial, Black Heart, cujo repertório é formado somente por covers de clássicos do pop rock. Dinho regrava músicas do grupo The Cure e da cantora e compositora Patti Smith, entre outros nomes. O CD Black Heart vai chegar às lojas em abril.

Flavio Voight disse...

1 - Tenho medo. Mas vai que surpreende? Duvido um pouco =p

2 - Não seria 22 anos depois, em vez de 32, Mauro?

Rafael disse...

Hummmm.... Acho que não vai ficar bom esse cover não... Vai "matar" a original da Sinead, que é impecável...

Lui disse...

Não seria 22 anos depois?

Edu M disse...

oi, acho que o correto é 22 anos depois da sinead....

Universo ao meu redor disse...

Olha esse album "Black Heart" espero que tenha o mesmo nível artístico que o "60" do Ritchie, porque se for pra colocar aquela voz estragada pela falta de técnica, o álcool e as drogas do Dinho Ouro Preto, prefiro nem perder meu tempo ouvindo o que vem desse album. Estou curioso pra saber se depois do relaxo de uma década de Capital Inicial que afundou a ideologia da banda, ele me volta com um trabalho primoroso, porque vou te falar, depois da notoriedade do Acústico e da saída do Loro Jones da banda, o Capital Inicial vem fazendo um trabalho pior que o outro!

Universo ao meu redor disse...

Suspeitei desde o princípio:
http://www.portalsucesso.com.br/dinhoouropreto/
Aquém do que eu já esperava!

Mauro Ferreira disse...

Flávio, Lui e Edu M: sim, são 22 anos, claro. Errei feio na conta. Grato a vocês pelo alerta. Abs, MauroF

Alexander Canale (CxdoSul) disse...

Livrai-nos do mal, amém!!!!

Escutem no link que o Universo ao meu redor colocou.

Ficou horrível! Se esse é o pontapé inicial, imagina as outras músicas.

Rafael disse...

Escutei 30 segundos da canção no Soundcloud e é simplesmente de amargar...

Carla disse...

Nossa o negócio tá feio hein...ouvi e não gostei não.

Sandro CS disse...

Nossa, tenho certeza que já vi essa mesma foto do Dinho sem qualquer retoque e ele estava pelo menos uns 20 anos mais velho!!!!