Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Projeto hispânico de Roberto Carlos sai em 30 de outubro, em três formatos

Primera fila - o projeto ao vivo gravado por Roberto Carlos em 11 e 12 de maio de 2015 no estúdio Abbey Road, em Londres, e direcionado prioritariamente para o mercado fonográfico de língua hispânica - vai ser lançado no Brasil em 30 de outubro de 2015. A Sony Music lança Primera fila nos formatos de CD, de DVD e em edição dupla que junta CD e DVD. A pré-venda de Primera fila no iTunes foi iniciada hoje, 16 de outubro. Eis as (17) músicas alinhadas no disco Primera fila:

1. Emoções (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1981)  
2. A volta (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1966)  
3. O portão (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1974)  
4. Cama e mesa (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1981)  
5. And I love her (John Lennon e Paul McCartney, 1964)
6. A distância (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1972)  
7. Detalhes (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1971)  
8. As curvas da estrada de Santos (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1969)  
9. Ilegal, imoral ou engorda (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1976)  
10. Eu te amo, te amo, te Amo (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1968)  
11. Arrastra una silla - versão em espanhol de Arrasta uma cadeira (Roberto Carlos e Erasmo

      Carlos, 2005) - com Marco Antonio Solís 
12. Propuesta - versão em espanhol de Proposta (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1973)  
13. Amigo - versão em espanhol de Amigo (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1977)  
14. Amada amante - versão em espanhol de Amada Amante (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1971) 
15. Mujer pequeña - versão em espanhol de Mulher pequena (Roberto Carlos e Erasmo Carlos,
 1992)
16. Lady Laura - versão em espanhol de Lady Laura (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1978)  
17. Jesús Cristo - versão em espanhol de Jesus Cristo (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1970)

12 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ Primera fila - o projeto ao vivo gravado por Roberto Carlos em 11 e 12 de maio de 2015 no estúdio Abbey Road, em Londres, e direcionado prioritariamente para o mercado fonográfico de língua hispânica - vai ser lançado no Brasil em 30 de outubro de 2015. A Sony Music lança Primera fila nos formatos de CD, de DVD e em edição dupla que junta CD e DVD. A pré-venda de Primera fila no iTunes foi iniciada hoje, 16 de outubro. Eis as (17) músicas alinhadas no disco Primera fila:

1. Emoções (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1981)
2. A volta (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1966)
3. O portão (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1974)
4. Cama e mesa (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1981)
5. And I love her (John Lennon e Paul McCartney, 1964)
6. A distância (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1972)
7. Detalhes (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1971)
8. As curvas da estrada de Santos (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1969)
9. Ilegal, imoral ou engorda (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1976)
10. Eu te amo, te amo, te Amo (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1968)
11. Arrastra una silla - versão em espanhol de Arrasta uma cadeira (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 2005) - com Marco Antonio Solís
12. Propuesta - versão em espanhol de Proposta (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1973)
13. Amigo (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1977)
14. Amada amante (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1971)
15. Mujer pequeña - versão em espanhol de Mulher pequena (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1992)
16. Lady Laura (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1978)
17. Jesus Cristo (Roberto Carlos e Erasmo Carlos, 1970)

Eduardo Cáffaro disse...

nossa que diferente ...ele abre com emoções ?

Victor Moraes, disse...

São poucas, pouquíssimas, emoções nesse repertório repetido. Agora repetido em espanhol.

Damião Costa disse...

Roberto em entrevistas sempre falou que queria dar uma nova roupagens em algumas canções, ouvi 3 músicas desse trabalho e estão realmente sensacionais.O arranjo na música As curvas da estrada de Santos é esplendoroso.

O blog disse...

Enquanto isso, sou mais o Erasmo. Tem dado um banho em Roberto. Porém, é uma pena passar desapercebido da grande mídia e do grande público. É que sempre ouço as pessoas dizerem que Erasmo (assim como tantos outros cantores) sumiu. Sendo que na verdade, dotados de talento, já não enchem mais o cofre das grandes multinacionais. Que pena.

Mauro Silva disse...

Amoooo Roberto, é uma pena ele não lançar um disco de inéditas, mas nem por isso perde a minha admiração e respeito. Ele continua com uma voz linda...continua lotando os shows e emocionando as pessoas, isso é o mais importante, como diz o Caetano (que eu também amo!)...vida longa ao Rei!

Rafael M. disse...

Um dos caras mais chatos e repetitivos da nossa MPB... Ao invés de lançar álbum de inpeditas, fica se reinventando sem a mínima necessidade... Lamentável isso!!!

O fantástico mundo de Maycon disse...

Estou super ansioso pra ouvir as novas versões de seus antigos clássicos. As duas que já ouvi, eu gostei demais. E concordo com um dos comentários feitos acima: a nova versão de "As curvas da estrada de Santos" ficou sensacional!

Damião Costa disse...

Tem um documentário na NET de uma TV Espanhola sobre esse trabalho, assisti.muito bom

Mauro Silva disse...

"Damião Costa", onde posso achar este documentário do Roberto da TV Espanhola ???? Eu quero assistir.

Damião Costa disse...

Põe no google :rtve Roberto Carlos,desculpa aí Mauro a conversa por aqui

Mauro Silva disse...

Obrigado "Damião Costa". Adorei o documentário!!! Contem imagens antigas, entrevistas, ensaios...Amei! Fiquei impressionado como o Roberto continua com o Vozeirãooooo!!! Os arranjos deste trabalho gravado em Abbey Road, estão de fato primorosos, tem umas harmonias lindas. Tomara que o Roberto depois deste projeto tenha inspiração para fazer um trabalho de inéditas, eu quero ver essa voz linda em um trabalho novo, todo inédito. (Mauro Ferreira assista este documentário é histórico) :)