Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


quarta-feira, 24 de setembro de 2014

'Romeo', balada do álbum roqueiro de Pethit, roda por (bela) via marginal

Resenha de single / clipe
Título da música: Romeo (Thiago Pethit e Hélio Flanders)
Artista: Thiago Pethit
Álbum: Rock'n'roll sugar darling (previsto para novembro de 2014)
Cotação: * * * *

Thiago Pethit tem se movimentado à margem, nos limites. Romeo - primeiro single do terceiro álbum do artista paulistano, Rock'n'roll sugar darling, previsto para ser lançado em novembro de 2014 - transita por essa estrada marginal em road-clipe que iniciou sua caminhada virtual nesta quarta-feira, 24 de setembro de 2014. Romeo, a música, é bela bissexta balada do álbum supostamente mais roqueiro desse cantor e compositor que ascendeu no universo pop com seu segundo álbum, Estrela decadente (Independente, 2012). Com letra bilíngue que incorpora versos em inglês em sua segunda metade, a sedutora canção Romeo é parceria de Pethit com Hélio Flanders. Os parceiros reeditam a inspiração de Forasteiro (2010) e de Devil in me (2012) em Romeo, música gravada em clima de western que se afina com o tom indie do road-vídeo filmado em  Los Angeles (EUA) e protagonizado pelos atores Lucas Veríssimo e Maria Laura Nogueira, intérpretes de um casal que vive perigosamente um amor passional e bandido a reboque de um carro conversível que passa pelas ruas de Venice, pelas montanhas de Malibu e pelo deserto de Palmdale. Roteirizado pelo próprio Thiago Pethit com Rafael Barion, o clipe de Romeo - filmado sob a direção de Rafaela Carvalho - alude aos casais marginais de filmes cults norte-americanos como Coração selvagem (David Lynch, 1990) e Assassinos por natureza (Oliver Stone, 1994) com direito a cenas de sexo, já uma marca registrada dos vídeos da obra musical de Pethit. É difícil deixar de seguir Romeo no YouTube. Disponível para download gratuito no site oficial de Pethit, a ótima música tem cacife para pavimentar uma longa estrada de sucesso (marginal) para o vindouro terceiro álbum do artista.

8 comentários:

Mauro Ferreira disse...

Thiago Pethit tem se movimentado à margem, nos limites. Romeo - primeiro single do terceiro álbum do artista paulistano, Rock'n'roll sugar darling, previsto para ser lançado em novembro de 2014 - transita por essa estrada marginal em road-clipe que iniciou sua caminhada virtual nesta quarta-feira, 24 de setembro de 2014. Romeo, a música, é bela bissexta balada do álbum supostamente mais roqueiro desse cantor e compositor que ascendeu no universo pop com seu segundo álbum, Estrela decadente (Independente, 2012). Com letra bilíngue que incorpora versos em inglês em sua segunda metade, a sedutora canção Romeo é parceria de Pethit com Hélio Flanders. Os parceiros reeditam a inspiração de Forasteiro (2010) e de Devil in me (2012) em Romeo, música gravada em clima de western que se afina com o tom indie do road-vídeo filmado em Los Angeles (EUA) e protagonizado pelos atores Lucas Veríssimo e Maria Laura Nogueira, intérpretes de um casal que vive perigosamente um amor passional e bandido a reboque de um carro conversível que passa pelas ruas de Venice, pelas montanhas de Malibu e pelo deserto de Palmdale. Roteirizado pelo próprio Thiago Pethit com Rafael Barion, o clipe de Romeo - filmado sob a direção de Rafaela Carvalho - alude aos casais marginais de filmes cults norte-americanos como Coração selvagem (David Lynch, 1990) e Assassinos por natureza (Oliver Stone, 1994) com direito a cenas de sexo, já uma marca registrada dos vídeos da obra musical de Pethit. É difícil deixar de seguir Romeo no YouTube. Disponível para download gratuito no site oficial de Pethit, a ótima música tem cacife para pavimentar uma longa estrada de sucesso (marginal) para o vindouro terceiro álbum do artista.

BIGODE disse...

O clipe é bonito, me lembrou assassinos por natureza(estrada arida/casal sem limites/armas/roubos/brigas)....e a música é ótima

Rhenan Rodrigo disse...

Quanta pieguice adolescente!!

O clipe é muito bem feito, mas pelo amor... A gente ainda acha isso ousado ou interessante? Esses "cults" estão muito mais pra besteirol. Nossa indiferença à colonização cultural norte-americana é tão absurda que o ridículo deixou de ser notado.

É bonito, sim, mas daí ser bom... Um troço batido desses... Eu prefiro Valesca Popozuda, sinceramente. =)

Val Js disse...

Muito inovador: pastiche de road movie com cenas de nudez.
A maior ousadia é a lambida no mamilo.
Ah, a guitarrinha distorcida é bem legal!

Fabio disse...

Que preguiça desse "cantor". Só Baixo Augusta pra ouvir isso. Esse grupinho "indie / alternativo" é tão sem identidade.

Douglas Carvalho disse...

Toda vez que vejo/escuto o Pethit, me dá vontade de ouvir o Filipe Catto.

Val Js disse...

Muita pose para pouca música.
Agora este achado poético "Baby eu acho foda quando você passa", não sei nem o que dizer...

Carla Mariana disse...

E o tédio? Como disseram muito bonito o clipe. Mas a força feita para parecer transgressor sei lá contra o que...dá aquela sensação de...já vi isso!