Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


domingo, 10 de fevereiro de 2013

Lenine volta a ser batuqueiro do Maracatu Porto Rico em show no Recife

Recife (PE) - Que baque é esse? Lenine não precisou fazer a pergunta exposta no título de sua música, lançada por Elba Ramalho no ignorado álbum Paisagem (1995). O cantor e compositor pernambucano conhecia muito bem o cadenciado baque das ondas da Nação Maracatu do Porto Rico, grupo que entrou no palco do Marco Zero, já na madrugada deste domingo 10 de fevereiro de 2013, quando Lenine terminava de cantar Que baque é esse? no show pesado que fez no principal palco do Carnaval do Recife. Há cerca de 30 anos, Lenine vivenciou a experiência de ser batuqueiro deste tradicional grupo de maracatu, fundado em 1916 na cidade de Palmares (PE). Foi em nome desse tempo, vivido na sua pré-história musical, que Lenine recebeu a Nação Maracatu do Porto Rico - vista com o artista na foto de Rodrigo Amaral - no show que encerrou o segundo dia de atrações do Marco Zero, o palco localizado no Centro Histórico do Recife. Sob a condução de Jailson Chacon Viana, atual mestre da Nação, o Maracatu Porto Rico tocou Nas águas verdes do mar, um dos temas de seu repertório. Com o toque de atabaques e abês, tambores de origens africanas, o baque diferenciado da Nação foi um banho de tradição em show pautado pela modernidade cosmopolita do repertório autoral de Lenine. Batuqueiro há mais de 30 anos, nego Lenine sabia muito bem que baque era aquele.

O blog Notas Musicais cobre o Carnaval do Recife (PE) a convite da Prefeitura do Recife.

3 comentários:

Mauro Ferreira disse...

Recife (PE) - Que baque é esse? Lenine não precisou fazer a pergunta exposta no título de sua música, lançada por Elba Ramalho no álbum Paisagem (1995). O cantor e compositor pernambucano conhecia muito bem o cadenciado baque das ondas da Nação Maracatu do Porto Rico, grupo que entrou no palco do Marco Zero, já na madrugada deste domingo 10 de fevereiro de 2013, quando Lenine terminava de cantar Que baque é esse? no show pesado que fez no principal palco do Carnaval do Recife. Há cerca de 30 anos, Lenine vivenciou a experiência de ser batuqueiro deste tradicional grupo de maracatu, fundado em 1916 na cidade de Palmares (PE). Foi em nome desse tempo, vivido na sua pré-história musical, que Lenine recebeu a Nação Maracatu do Porto Rico - vista com o artista na foto de Rodrigo Amaral - no show que encerrou o segundo dia de atrações do Marco Zero, o palco localizado no Centro Histórico do Recife. Sob a condução de Jailson Chacon Viana, atual mestre da Nação, o Maracatu Porto Rico tocou Nas águas verdes do mar, um dos temas de seu repertório. Com o toque de atabaques e abês, tambores de origens africanas, o baque diferenciado da Nação foi um banho de tradição em show pautado pela modernidade cosmopolita do repertório autoral de Lenine. Batuqueiro há mais de 30 anos, nego Lenine sabia muito bem que baque era aquele.

Fábio Passadisco disse...

Set List Marco Zero em Recife/PE - 09.02.2013

01 Voltei Recife + É De Fazer Chorar
02 O Céu É Muito
03 A Balada do Cachorro Louco (Fere Rente)
04 Se Não For Eu Cegue + Sol E Chuva
05 Martelo Bigorna
06 O Homem dos Olhos de Raio X
07 Chão
08 Tudo Que Me Falta Nada Que Me Sobra (com Yuri Pimentel)
09 Envergo Mas Não Quebro (com Yuri Pimentel)
10 A Rede + O Último Pau de Arara
11 Dois Olhos Negros
12 Virou Areia
13 O Clã da Pá Virada (com Carlos Posada)
14 Retalhos (com Carlos Posada)
15 Hoje Eu Quero Sair Só
16 Relampiano
17 Candeeiro Encantado
18 Que Baque É Esse? + Nas Águas Verdes do Mar (com a Nação Maracatu Porto Rico)
19 Jack Soul Brasileiro
20 Alzira E A Torre + Me Deixa Em Paz + Me Deixa
21 Do It

Agradecimentos + Apresentação da banda

22 A Ponte

Bis:
23 Leão do Norte
24 Paciência

Rafael M. disse...

Adoro Lenine. Sorte do pessoal de Recife de ser brindado no Carnaval com bambas como ele, Paulinho da Viola, Zélia Duncan e outros.