sexta-feira, 1 de março de 2013

Roteiro de 'Atento aos sinais', show de Ney, prioriza Itamar, Ramil e Tono

Admirador do som do Tono (grupo em ascensão na cena indie carioca, prestes a lançar seu álbum, produzido por Arto Lindsay), Ney Matogrosso incluiu duas músicas do segundo álbum da banda, Não consigo e Samba do blackberry, no roteiro de Atento aos sinais, o show que o cantor estreou no Cine-Theatro Central, em Juiz de Fora (MG), na noite de 28 de fevereiro de 2013. Sob a direção musical do tecladista Sacha Amback, Ney mira seus olhos de farol para compositores ainda sem visibilidade nacional entre o chamado grande público. Compositores novos - como Dani Black, autor de Oração - e também antigos, caso do gáucho Vítor Ramil, presente no roteiro com suas belas canções, A ilusão da casa e Astronauta lírico. Contudo, o compositor predominante no roteiro feito sem hits e concessões é o paulista Itamar Assumpção (1949 - 2003), a quem Ney dá voz desde 1988. Nada menos do que três músicas - Noite torta, Fico louco e Isso não vai ficar assim - são da lavra de Itamar. Eis o roteiro seguido por Ney Matogrosso - visto em foto de Mauro Ferreira - na estreia nacional do show Atento aos sinais:

1. Rua da passagem (Arnaldo Antunes e Lenine, 1999)
2. Incêndio (Pedro Luís, 1992)
3. Vida louca vida (Lobão e Bernardo Vilhena, 1987)
4. Roendo as unhas (Paulinho da Viola, 1973)
5. Noite torta (Itamar Assumpção, 1993)
6. A ilusão da casa (Vitor Ramil, 2000)
7. Oração (Dani Black, 2010)
8. Two naira fifty kobo (Caetano Veloso, 1977)
9. Freguês da meia-noite (Criolo, 2011)
10. Isso não vai ficar assim (Itamar Assumpção, 1986)
11. Pronomes (Beto Boing e Paulo Passos, 2006)
12. Beijos de imã (Jerry Espíndola, Alzira E e Arruda, 2013) - inédita
13. Não consigo (Rafael Rocha, 2010)
14. Fico louco (Itamar Assumpção, 1983)
15. Samba do blackberry (Rafael Rocha e Alberto Continentino, 2010)
16. Tupi Fusão (Dinho Zampier, André Meira, Pedro Ivo Euzébio e Vitor Pirralho, 2009)
17. Todo mundo o tempo todo (Dan Nakagawa, 2011)
Bis:
18. Amor (João Ricardo e João Apolinário,1973)
19. Astronauta lírico (Vítor Ramil, 2007)

13 comentários:

Luca disse...

será que as velhinhas que vão ao show dele vão assimilar essas músicas?

Rhenan Rodrigo disse...

Muito bacana a parceria (para mim inusitada) com o Sacha Amback, que tem participado de projetos interessantíssimos. Profissional incrível!

lurian disse...

Vai ser dificil o Ney conseguir retirar alguma dessas pro disco de estúdio!

Fernanda disse...

Olha, Rhenan, que eu saiba, o Sacha Amback já trabalhou c/ Ney naquele visionário "Olhos de farol", são dele os teclados em várias faixas, inclusive na faixa-título, portanto, a parceria não é tão inusitada assim... Qto ao setlist, belíssimo, forte e incisivo. Espero que Ney não retire nenhuma para o cd!

Insensato Mundo disse...

Mauro, você digitou errado a autoria de Isso Não Vai Ficar, que é do Itamar Assumpção (e não do Ney), como você mesmo registrou no post acima sobre a crítica do show. Um abraço.

Insensato Mundo disse...

Mauro, você digitou errado a autoria de Isso Não Vai Ficar Assim, que é do Itamar Assumpção (e não do Ney), como você mesmo registrou no post acima, sobre a crítica do show. Um abraço.

Dan Peder disse...

Semana que vem no HSBC, ingresso comprado e ansiedade e a mil.

Dan Peder disse...

Semana que vem em são Paulo. Ingresso comprado e ansiedade lá no alto.

Mauro Ferreira disse...

Grato pelo toque do erro, Insensato Mundo. Abs, MauroF

KL disse...

só mesmo Ney - e sua voz de Midas - para salvar um repertório desses.

Thiago Curado disse...

Pra quem estiver curioso sobre as músicas que ele vai cantar (para mim pelo menos muitas são desconhecidas) preparei essa playlist no youtube (infelizmente nem todas os vídeos estão em qualidade muito boa, mas já ajuda):

http://www.youtube.com/playlist?list=PL2Y-HJhATMIxG5NJBhW6Es0B0XvGHIgT1&feature=mh_lolz

Nangela Nasser disse...

que preconceito com as velhinhas Luca!

Nangela Nasser disse...

É uma pena adoro ele e nunca consegui assistir um show e agora que ele vem para Curitiba, estarei no Rio de Janeiro!