Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


terça-feira, 13 de novembro de 2012

Bena Lobo estreita laços com Daniel Gonzaga no quarto álbum, 'Valentia'

Lançado em 2000, o primeiro disco de Bena Lobo, Nada Virtual, abre com parceria do cantor e compositor carioca com Daniel Gonzaga, Mundo. Doze anos depois, o filho de Edu Lobo estreita seus laços musicais com o filho de Gonzaguinha (1945 - 1991) no seu quarto CD, Valentia, nas lojas na segunda quinzena deste mês de novembro de 2012, em edição da Biscoito Fino, gravadora com a qual o artista assinou contrato em setembro. Gonzaga dividiu com Lobo a produção e os arranjos do disco, além de ter feito a mixagem do álbum com Eduardo Chermont. Sucessor do CD e DVD Sábado ao Vivo (2008), Valentia apresenta no repertório canções majoritariamente inéditas compostas por Bena Lobo com parceiros como Edu Krieger, Gabriel Moura, Maria de Moraes, Paulo César Pinheiro (letrista de quatro músicas, entre elas Declaração, faixa-título de CD de Wanda Sá e Roberto Menescal lançado em 2010), Rômulo Pacheco (poeta autor dos versos de O Samba Não Morre, ode a diversos compositores do gênero) e Úrsula Corona. Osso Duro figura entre as composições inéditas do disco Valentia.

5 comentários:

Mauro Ferreira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Toninho Lima disse...

Mauro, "Declaração", parceria do Bena com Paulo César Pinheiro, não foi gravada por Wanda Sá e Roberto Menescal e inclusive dá título ao cd que ambos gravaram em 2010?

Mauro Ferreira disse...

Tem razão, Toninho. Tinha me esquecido do disco da Wanda com Menescal. Abs, grato pelo toque, MauroF

Rafael M. disse...

Filho de peixe, peixinho é, já dizia aquela máxima. Bena Lobo é um ótimo compositor e seu trabalhos anteriores são interessantes.

Douglas Carvalho disse...

O povo encheu (e enche) tanto o saco da Maria Rita por causa da semelhança com Elis, mas alguém já ouviu o Daniel Gonzaga cantar? É um clone do pai e ninguém fala nada.