Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


segunda-feira, 27 de julho de 2015

Fafá grava música de Silvio César lançada na voz de Angela Maria há 44 anos

Fafá de Belém sempre declarou publicamente sua admiração por Angela Maria. Por isso, faz sentido que, no disco comemorativo de seus 40 anos de carreira, a cantora paraense dê sua voz calorosa a uma música lançada pela Sapoti. A escolhida foi Usei você, composição de autoria do mineiro Silvio César gravada há 44 anos pela cantora fluminense no álbum Angela (Copacabana, 1971). Usei você é uma das dez músicas do aguardado álbum de Fafá, intitulado Do tamanho certo para o meu sorriso. O título, aliás, foi extraído de verso da música O gosto da vida (Péricles Cavalcanti), lançada pela própria Fafá há 33 anos no álbum Essencial (Philips, 1982), e ora regravada pela cantora no álbum produzido por Felipe Cordeiro e Manoel Cordeiro. Concebido pela própria Fafá em parceria com o DJ Zé Pedro, o álbum Do tamanho certo para o meu sorriso vai chegar ao mercado fonográfico brasileiro em agosto de 2015 em edição da gravadora Joia Moderna. Além de O gosto da vida e de Usei você, Fafá - em foto de Fábio Bartelt - canta músicas como Asfalto amarelo (parceria inédita de Felipe Cordeiro e Manoel Cordeiro com Zeca Baleiro), Meu coração é brega (inédita de Veloso Dias), Volta (Johnny Hooker) - tema passional propagado na trilha sonora do cultuado filme gay Tatuagem (Brasil,2013) - e Pedra sem valor (inédita fornecida para Fafá pela compositora paraense Dona Onete).

18 comentários:

Mauro Ferreira disse...

♪ Fafá de Belém sempre declarou publicamente sua admiração por Angela Maria. Por isso, faz sentido que, no disco comemorativo de seus 40 anos de carreira, a cantora paraense dê sua voz calorosa a uma música lançada pela Sapoti. A escolhida foi Usei você, composição de autoria do mineiro Silvio César gravada há 44 anos pela cantora fluminense no álbum Angela (Copacabana, 1971). Usei você é uma das dez músicas do aguardado álbum de Fafá, intitulado Do tamanho certo para o meu sorriso. O título, aliás, foi extraído de verso da música O gosto da vida (Péricles Cavalcanti), lançada pela própria Fafá há 33 anos no álbum Essencial (Philips, 1982), e ora regravada pela cantora no álbum produzido por Felipe Cordeiro e Manoel Cordeiro. Concebido pela própria Fafá em parceria com o DJ Zé Pedro, o álbum Do tamanho certo para o meu sorriso vai chegar ao mercado fonográfico brasileiro em agosto de 2015 em edição da gravadora Joia Moderna. Além de O gosto da vida e de Usei você, Fafá - em foto de Fábio Bartelt - canta músicas como Asfalto amarelo (parceria inédita de Felipe Cordeiro e Manoel Cordeiro com Zeca Baleiro), Meu coração é brega (inédita de Veloso Dias), Volta (Johnny Hooker) - tema da trilha sonora do filme gay Tatuagem (Brasil, 2013) - e Pedra sem valor (inédita da nortista Dona Onete).

Henrique disse...

Vi recentemente o show Piano e Voz de Fafá, e estando na primeira fila, consegui a emoção de muitas vezes ouvir a voz sair direto da garganta de Fafá e não da caixa de som. Impressionante o tanto que ela canta. Ansioso por esse disco. O "Amor e Fé" é lindo.

Luca disse...

Fafá tá cantando muito. esse disco me cheira bem, essa música Volta é muito boa e deve ter ficado melhor ainda na voz dela

Rafael M. disse...

Estou super ansioso por esse disco... Fafá nos deve um bom disco desde o álbum dedicado a Chico Buarque... Acho que esse álbum será bom, tirando essa horrenda "Meu Coração É Brega", acho que o resultado final do disco compensará essa música. Que venha Fafá mais uma vez, estamos de braços abertos para recebê-la!!!

Marcelo disse...

Fafá tem que estar sempre presente!!! Uma de nossas maiores cantoras!!

Henrique disse...

Gente, como podemos afirmar que "Meu Coração é Brega" é horrível se ainda não ouvimos a canção? Por favor, menos.

Mauro Ferreira disse...

Tem razão, Henrique. A música 'Meu coração é brega' é inédita, embora já tenha sido cantada em alguns (poucos) shows por Fafá.

italo vinicius disse...

estão com síndrome do brega kkk, a musica nem saiu e já em nego esculhambando

Roberto de Brito disse...

No YouTube dá pra ouvir. Não gostei da música, mas levo fé nesse cd!
Fafá continua essencial!

Estalactites hemorrágicas disse...

A música é uma mistura de " Ex My Love" com "Amor I love you"

Ricardo Sérgio

BIGODE disse...

Gosto da Fafá mas o Zé Pedro é péssimo, ele só acerta ao lançar discos prontos como no caso da Alice, Cida, etc... quando ele se mete na produção tenho medo, ele é muito cafona...

Luiz Leite disse...

Concordo com o Bigode. Gosto da Fafá mas esperava outra produção pra comemorar 40 anos de carreira. Creio que vem muita cafonice por ai. Espero estar enganado.

Rafael M. disse...

Eu também acho que terá algumas músicas cafonas nesse disco, como a própria "Meu Coração É Brega"... Mas espero que sinceramente o disco compense no geral...

Rafael M. disse...

Ela bem que podia ter lançado em CD e DVD mesmo o seu show dedicado ao Rio de Janeiro. Creio que iria ficar lindo um registro oficial desse show. Uma pena que deixou perder essa oportunidade ótima!!!

Marcelo disse...

É uma pena mesmo. O show foi primoroso e ter aquelas canções eternas na voz da Fafá seria incrível!! Trocar as canções de Tom, Antonio Maria, Maysa, Dolores, Lyra , Francis Hime ...por esse lançamento não me agrada...mas espero que tenha sucesso e agrade aos fãs!!

João Souto Massoterapeuta disse...

Acho que ela se equivocou nas escolhas, mas só tempo dirá!

Matuzalem Rodrigues disse...

Acredito na Fafá de Belém, ela é muito inteligente e independente nas escolhas de seus repertórios... Aposto nesse novo disco, independente do estilo musical, afinal, Fafá será sempre Fafá, uma das maiores cantoras brasileira, que desafia a crítica, tabus e preconceitos musicais; ela vai do brega ao chique, com mesma classe e sem sair do tom... Parabéns Fafá... serei sempre seu fã...Bj.

Dona Emengarda disse...

O artista que de preocupar em agradar os fãs não ira produzir mais nada, porque é impossível agradar a todos ao mesmo tempo. Sem falar que todo fã quer ser produtor e escolher o repertório!
Se Fafá tivesse gravado cd com as músicas do show em homenagem ao Rio de Janeiro, teria gente reclamando do "excesso de regravações", como fizeram com Gal algumas vezes.
Acho louvável que Fafá queira comemorar seus 40 anos de carreira voltando às origens paraenses, misturando épocas e homenageando Angela Maria!