Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Oitavo ao vivo de Barbra, 'Back to Brooklyn' sai no Brasil ainda em 2013

Oitavo registro ao vivo de show da discografia de Barbra Streisand, o CD / DVD Back to Brooklyn vai ser editado no Brasil pela gravadora Sony Music ainda neste mês de dezembro de 2013, só que somente na edição simples que traz apenas o CD. O título Back to Brooklyn alude ao aclamado 26º álbum de estúdio da cantora norte-americana, Back to Broadway (1993), e às origens da artista nascida no Brooklyn, bairro de Nova York (EUA). Lançado em 25 de novembro nos Estados Unidos, via Columbia Records, Back to Brooklyn traz registro do show da turnê Barbra live, captado em duas apresentações feitas pela artista em 11 e 13 de outubro de 2012, no Barclay's Center, no Brooklyn (Nova York, EUA). No roteiro original, Barbra recebeu o trio italiano Il Volo para interpretar Smile (Charlie Chaplin, 1936 / 1954 - com letra de John Turner e Geoffrey Parsons), canção celebrizada em filme de Charlie Chaplin (1889 - 1977), mas o número foi excluído de Back to Brooklyn. Em contrapartida, foram incluídos os três números - What'll I do / My funny Valentine, Lost inside of you e Evergreen - feitos pela cantora com o trompetista norte-americano Chris Botti, assim como o dueto de Barbra com seu filho Jason Gould em How deep is the ocean. Pontuada por (excessivas) falas da artista, que tinha 70 anos na época das duas apresentações, a gravação da primeira turnê de Barbra desde 2006 já foi exibida - em novembro - na emissora norte-americana de TV PBS.

8 comentários:

Mauro Ferreira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bruno Cavalcanti disse...

Ótima notícia! Barbra continua com uma voz deliciosa e está incrível no palco.
Mauro, "Smile" não recebeu, em 54, letra do próprio Chaplin? Ou é engano meu?

Vinicius disse...

Foi confirmado que sai o dvd também? Só encontrei a versão só com o cd em pré-venda.

Mauro Ferreira disse...

Vinicius, sai DVD também. Mas não sei se ainda em 2013. abs, MauroF

Mauro Ferreira disse...

Bruno, a melodia é de Chaplin. A letra, de 1954, é de Turner e Parsons. Abs, MauroF

Marcus Nascimento disse...

Assistí a este show da Barbra Streisand em 13 Out de 2012 no Barclay's Center, NY e realizei o sonho da vida de um fã da cantora. Barbra Streisand é de um profissionalismo ímpar - aliás, novidade nenhuma quando se trata dos medalhões da canção americana). E sua capacidade de encantar aos fãs e público beira a "chantagem": ela entrega aquilo o que a gente quer ! Estupendo !

Marcus

Marcus Nascimento disse...

Assistí a este show de Barbra Streisand no Barclay's Center em NY em 13 Out do ano passado e digo: é um colosso ! Novidade nenhuma pra quem é fã da cantora. Mas o profissionalismo (praxe dos americanos) e a capacidade de agradar em cheio aos fãs e público em geral vão além de qualquer coisa a que estamos acostumados no Brasil. Pontualidade, qualidade de som e visão DE QUAQLUER ASSENTO numa arena onde cabem 30 mil pessoas. E que tinha um mês de inaugurada na ocasião (a Arena é da turma do Jay Z/Beyoncè junto com o Barclay's Bank) aliada à emoção de ver Barbra cantando no Brooklyn, sua terra natal ! E a diva realizou mais um de seus espetaculares shows em termos de produçã, repertório e convidados. Destaque para a homenagem aos recém-falecidos (na ocasião) Brian Gibbs (Bee Gees), Marvin Hamlimish (maestro e compositor da grande fase da diva) e Donna Summer. Obrigatório.

Eduardo Cáffaro disse...

Marcus tocou num assunto importantíssimo, PROFISSIONALISMO DA EQUIPE DO SHOW E DO LOCAL ! Aqui no Brasil pagamos super caro um ingresso, e a estrutura geralmente é um lixo. Só estão interessados em vender os ingressos ... é RARO no Brasil um show ter essa qualidade de som, como as que já assisti fora do País. Normalmente a banda, grupo, fica altíssimo e a voz do cantor/cantora em segundo plano. Barbra desde o DVD One Voice, me deixou impressionado com a equalização da banda, orquestra, etc ...tudo é preparado para que sua voz realmente apareça.