Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


domingo, 15 de dezembro de 2013

Daniela posa com 'Cantadas', livro no qual representa a música da Bahia

Daniela Mercury posa com o seu exemplar autografado de Cantadas - A sedução da voz feminina em 25 anos de jornalismo musical, primeiro livro do jornalista carioca Mauro Ferreira - editor do blog Notas Musicais - na área de música. Ainda à venda para todo o Brasil através da loja virtual da Livraria da Travessa, o livro traça o perfil de 25 cantoras do Brasil no período que vai de 1987 a 2012. Uma das 25 cantoras retratadas no livro, Daniela Mercury é a única representante em Cantadas da música afro-pop-baiana, gênero rotulado pela mídia como axé music. O exemplar de Cantadas visto na foto acima foi entregue à artista baiana pelo leitor de Notas Musicais Fábio Braga, na noite de 12 de dezembro de 2013, logo depois da apresentação do show corrente da cantora, Pelada, no Teatro Bradesco, em São Paulo (SP).

Clique aqui se quiser adquirir seu exemplar do livro Cantadas através da Livraria da Travessa. 

2 comentários:

Mauro Ferreira disse...

Daniela Mercury posa com o seu exemplar autografado de Cantadas - A sedução da voz feminina em 25 anos de jornalismo musical, primeiro livro do jornalista carioca Mauro Ferreira - editor do blog Notas Musicais - na área de música. Ainda à venda para todo o Brasil através da loja virtual da Livraria da Travessa, o livro traça o perfil de 25 cantoras do Brasil no período que vai de 1987 a 2012. Uma das 25 cantoras retratadas no livro, Daniela Mercury é a única representante em Cantadas da música afro-pop-baiana, gênero rotulado pela mídia como axé music. O exemplar de Cantadas visto na foto acima foi entregue à artista baiana pelo leitor de Notas Musicais Fábio Braga, na noite de 12 de dezembro de 2013, logo depois da apresentação do show corrente da cantora, Pelada, no Teatro Bradesco, em São Paulo (SP).

Leo Lavish disse...

Merecedora em representar a música afro-pop-baiana. Adoro Daniela Mercury. Para mim é uma artista completa e ousada que abriu o caminho para a música baiana.