Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Gravação inédita de Elis Regina está à venda no iTunes de forma avulsa

Nas lojas neste mês de fevereiro de 2012, as caixas Elis Anos 60 e Elis Anos 70 embalam os 21 álbuns de Elis Regina (1945 - 1982) que pertencem ao acervo da gravadora Universal Music - além de três coletâneas com registros avulsos da obra fonográfica da cantora, sendo que uma dessa compilações, No Céu da Vibração, é dupla. Contudo, consumidores que já compraram a caixa Transversal do Tempo (1998) não vão precisar comprar a caixa Elis Anos 60 para ter a única gravação inédita incluída nas duas caixas. Sobra do álbum Elis Como e Porquê (1969), descoberta pelo pesquisador Rodrigo Faour, a faixa Comigo É Assim (José Menezes e Luiz Bittencourt) já está à venda na filial brasileira da loja virtual iTunes. Trata-se de choro lançado por Ademilde Fonseca - em gravação que pode ser ouvida no álbum Choros Famosos (1960) - que Elis regravou com uns toques de samba-jazz, bem ao estilo que imperava na década de 60.

12 comentários:

Anônimo disse...

EU QUERO...EU QUERO...EU QUERO

LINDAAAAA

Mauro Ferreira disse...

Nas lojas neste mês de fevereiro de 2012, as caixas Elis Anos 60 e Elis Anos 70 embalam os 21 álbuns de Elis Regina (1945 - 1982) que pertencem ao acervo da gravadora Universal Music - além de três coletâneas com registros avulsos da obra fonográfica da cantora, sendo que uma dessa compilações, No Céu da Vibração, é dupla. Contudo, consumidores que já compraram a caixa Transversal do Tempo (1998) não vão precisar comprar a caixa Elis Anos 60 para ter a única gravação inédita incluída nas duas caixas. Sobra do álbum Elis Como e Porquê (1969), descoberta pelo pesquisador Rodrigo Faour, a faixa Comigo É Assim (José Menezes e Luiz Bittencourt) já está à venda na filial brasileira da loja virtual iTunes. Trata-se de choro lançado por Ademilde Fonseca - em gravação que pode ser ouvida no álbum Choros Famosos (1960) - que Elis regravou com uns toques de samba-jazz, bem ao estilo que imperava na década de 60.

EDELWEISS1948 disse...

MESMO TENDO A PRIMEIRA CAIXA, NUNCA É DEMAIS TER ESSAS DUAS TB.
TUDO DEVE ESTAR MELHOR. PARABÉNS RODRIGO FAOUR.

Maria disse...

Eu compro! com maior prazer.

Zé Antônio disse...

Mauro,
Uma pergunta a qualidade do audio desta caixa é a mesma do box de 1998, Pq ser for realmente não vale a pena comprar , porém se o audio estiver melhor remixado etc ai sim farei esta loucura... (rs)
Abraço...

Tiago disse...

Analisando friamente, ninguém precisa comprar disco nenhum. Na internet tem tudo de todos os artistas - e de graça.

Anônimo disse...

Quero o audio, na integra, de Transversal do Tempo, os DVD's de Elis em Montreux, no Chile, na Alemanha, o especial Elis e Tom da Bandeirantes, produtos inéditos que todos nós merecemos e estariam a altura desses 30 anos sem Elis.

Fabiana disse...

Ai! Que saudades Elis!!!

Renato Vieira disse...

Em menos de dois minutos de Comigo é assim,a Pimentinha dá um banho.

Transversal do Tempo foi uma das caixas mais avacalhadas lançadas no Brasil. Essas novas são a salvação da lavoura para quem quiser ouvir Elis do jeito que ela merece.

KL disse...

Mais um trabalho primoroso de Rodrigo Faour, que merece aplausos fervorosos. Eu só faria diferente se a gravadora permitisse distribuir as faixas de compactos e raridades em cada um dos álbuns, como fazem os japoneses. Os puristas dirão que não se deve mexer nos 'originais', porém esquecem-se de que um cd não é um lp e poderia, sim, vir com adendos criteriosamente 'colados' em cada álbum. Seria interessante até mesmo do ponto de vista mercadológico e comercial já que os fãs que já têm a discografia completa em cd, muito provavelmente, comprariam as duas caixas para ver o resultado diferente.

Unknown disse...

Claro q vale a pena comprar as duas e de uma vez

ADEMAR AMANCIO disse...

Tudo que tem o registro vocal e perfomance cênica de elis muito me interessa.