Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


sábado, 29 de janeiro de 2011

Ao reabrir no Rio a roda de Roque, Roberta canta a seminal 'Afefé' no bis

Um ano após abrir a roda de Roque Ferreira no Rio de Janeiro (RJ), em série de shows-ensaios no Centro Cultural Carioca, Roberta Sá estreou oficialmente na cidade o show Quando o Canto É Reza, baseado no disco em que aborda a obra do compositor baiano na companhia do Trio Madeira Brasil. A cantora - vista em cena na foto de Mauro Ferreira - se apresentou numa lotada casa Vivo Rio na noite de sexta-feira, 28 de janeiro de 2011. Além da participação de Moyseis Marques em Tô Fora e no Samba pras Moças, a surpresa do roteiro foi a inclusão de Afefé no bis, encerrado com a dobradinha Parabéns / Mulata de Ouro. Espécie de embrião do projeto, Afefé foi gravada em 2007 por Roberta Sá e Trio Madeira Brasil para Samba Novo, coletânea da Som Livre que apresentou registros inéditos de nomes revelados nos anos 2000.

6 comentários:

Mauro Ferreira disse...

Um ano após abrir a roda de Roque Ferreira no Rio de Janeiro (RJ), em série de shows-ensaios no Centro Cultural Carioca, Roberta Sá estreou oficialmente na cidade o show Quando o Canto É Reza, baseado no disco em que aborda a obra do compositor baiano na companhia do Trio Madeira Brasil. A cantora - vista em cena na foto de Mauro Ferreira - se apresentou numa lotada casa Vivo Rio na noite de sexta-feira, 28 de janeiro de 2011. Além da participação de Moyseis Marques em Tô Fora e no Samba pras Moças, a surpresa do roteiro foi a inclusão de Afefé no bis, encerrado com a dobradinha Parabéns / Mulata de Ouro. Espécie de embrião do projeto, Afefé foi gravada em 2007 por Roberta Sá e Trio Madeira Brasil para Samba Novo, coletânea da Som Livre que apresentou registros inéditos de nomes revelados nos anos 2000.

Marcelo Barbosa disse...

Música linda que ela gravou muito bem na já informada coletânea. Pena que não registrou em disco de carreira, antes tivesse feito, talvez eu gostasse bem mais.
Adoro a Roberta e espero que ela grave MUITOS sambas.
Andei pesquisando no youtube, ela bem que poderia regravar num dvd ou cd ao vivo o pout-pourri dos sambas-enredos (Mangueira, Mocidade e Ilha). Só tem que prestar um pouquinho de atenção para não errar as letras (comete pequenos deslizes que não comprometem).
Abração e a Roberta, felizmente, é a melhor surpresa em se tratando de voz, coerência e escolha de repertório das novas cantoras (além de linda!).

Marcelo Barbosa - Brasília (DF)

Caio disse...

O show foi beeeeeem bonito. perfeito tecnicamente. como a moça canta! o repertório lindo.Porém,sempre sinto um vazio ainda quanto a produção dos shows da Roberta.. mas sabe? esse não seria o encanto do show da voz (e apenas voz)?

Vladimir disse...

Não vi este show, então não posso comentar nada a respeito.

Assisti o DVD "Pra se ter alegria" e gostei do repertório e, principalmente, da voz da Roberta Sá que mostra ser uma das grandes cantoras da MPB !!

Só achei que a Roberta precisa se soltar mais. Cantar samba requer uma desenvoltura que ela precisa aprender...

Rafael Teixeira disse...

Oi, Mauro,

Desta vez, não rolou uma resenha do show, com nota? Fiquei curioso para saber a sua opinião!

Um abraço,

Rafael

Mauro Ferreira disse...

Rafael, não teve resenha desta vez, pois o show 'Quando o Canto É Reza' já foi resenhado duas vezes no blog. A primeira foi na temporada do CCC, em janeiro de 2010. A segunda foi na apresentação do show no Palco MPB, em novembro. Mudam os figurinos, a luz, mas o show em essência é o mesmo desde que estreou no CCC. Abs, MauroF