Mauro Ferreira no G1

Aviso aos navegantes: desde 6 de julho de 2016, o jornalista Mauro Ferreira atualiza diariamente uma coluna sobre o mercado fonográfico brasileiro no portal G1. Clique aqui para acessar a coluna. O endereço é http://g1.globo.com/musica/blog/mauro-ferreira/


sábado, 16 de abril de 2011

No Rio, Gadú e Leandro Léo recheiam 'Laranja' com o rap dos Mamonas

Já habituado a dividir o palco com Maria Gadú desde antes da cantora fazer sucesso, Leandro Léo tem presença destacada no show da turnê Multishow ao Vivo, que chegou ao Rio de Janeiro (RJ) em 15 de abril de 2011 em azeitada apresentação única na casa Vivo Rio. Além do costumeiro dueto em Linda Rosa (Gugu Peixoto e Luis Kiari), Léo teve direito a um número solo, João de Barro (Leandro Léo e Rafael Portugal), tal como no DVD editado em 2010 pela Som Livre. Mas a surpresa veio no bis, quando Gadú e Léo - vistos em foto de Rodrigo Amaral - rechearam a funkeada Laranja (Maria Gadú) com o rap 1406, tema jocoso que em 1996 abriu o primeiro e único álbum de estúdio do efêmero grupo paulista Mamonas Assassinas. Inusitado!

3 comentários:

Mauro Ferreira disse...

Já habituado a dividir o palco com Maria Gadú desde antes da cantora fazer sucesso, Leandro Léo tem presença destacada no show da turnê Multishow ao Vivo, que chegou ao Rio de Janeiro (RJ) em 15 de abril de 2011 em azeitada apresentação única na casa Vivo Rio. Além do costumeiro dueto em Linda Rosa (Gugu Peixoto e Luis Kiari), Léo teve direito a um número solo, João de Barro (Leandro Léo e Rafael Portugal), tal como no DVD editado em 2010 pela Som Livre. Mas a surpresa veio no bis, quando Gadú e Léo - vistos em foto de Rodrigo Amaral - rechearam a funkeada Laranja (Maria Gadú) com o rap 1046, tema jocoso que em 1996 abriu o primeiro e único álbum de estúdio do efêmero grupo paulista Mamonas Assassinas. Inusitado!

Rafael M. disse...

Correção: O nome da canção dos Mamonas é 1406, e não 1046.

Mauro Ferreira disse...

Tem razão, Rafael. Abs, obrigado. MauroF